1

Todas as consultas, agendamentos, quimioterapias, radioterapias, entre outros procedimentos, estão confirmados. Em casos de cancelamentos ou adiamentos, o Hospital de Amor informará aos pacientes. Sendo assim, se o paciente possui qualquer procedimento agendado para daqui uma, duas ou três semanas, ele deve comparecer. Caso ocorra qualquer problema ou mudança, o paciente será previamente informado pela instituição. Não há nenhum risco de o paciente chegar à consulta e ela ter sido cancelada. Portanto, se o paciente não recebeu nenhum tipo de notificação do hospital, ele deve comparecer as consultas conforme seu agendamento.

A unidade adulta de Barretos (SP), que havia suspendido seus atendimentos ambulatoriais, retoma as atividades nesta quinta-feira, 23/4, de forma gradativa, após liminar deferida nos autos do Mandado de Segurança , nº 0006202-53.2020.5.15.0000, pelo TRT da 15ª Região. O Hospital de Amor continuará preservando e zelando pela segurança de seus pacientes e colaboradores. A partir de segunda-feira, 27/4, a instituição estará em pleno funcionamento e os pacientes serão avisados sobre o retorno ao tratamento.

2

Desde o início da pandemia no Brasil, o Hospital de Amor tem desenvolvido várias medidas para diminuir as chances de contaminação de pacientes, acompanhantes e colaboradores dentro da instituição. As medidas são:

  1. Redução do número de acompanhantes, ou seja, só é permitida a entrada de acompanhantes nos casos de pacientes que necessitam por lei, como crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais;
  2. Triagem criteriosa em pacientes que chegam para consultas e outros procedimentos. Neste caso, sintomas respiratórios são avaliados e, se detectados, o paciente é encaminhado para uma unidade especial, onde será examinado cautelosamente.
  3. Aumento do controle de acesso;
  4. Restrição do número de visitas;
  5. Restrição de aglomerações.

Todas essas medidas de segurança e de redução de riscos foram adotadas para que o hospital continue sendo um ambiente seguro.

3

No Hospital de Amor, todos os agendamentos (independentemente do procedimento) foram mantidos. Pacientes idosos ou não devem comparecer aos agendamentos normalmente. Nos casos em que a instituição entrou em contato com o paciente solicitando o cancelamento ou adiamento das consultas e/ou dos procedimentos, o critério “idade” foi priorizado, ou seja, todos os pacientes acima de 60 anos que tinham possibilidade de adiamento/cancelamento dos procedimentos, foram informados.

Dessa forma, os procedimentos que foram mantidos são de extrema importância para o paciente, onde o benefício da consulta supera o risco de deslocamento, não havendo qualquer tipo de aglomeração e probabilidade de contágio.

4

O paciente que apresentar sintomas respiratórios, como tosse, febre, dor de garganta e coriza, não deve comparecer ao Hospital de Amor. Neste período de transmissão comunitária do coronavírus, onde existem vários casos suspeitos e a doença está em expansão, qualquer sintoma respiratório pode se tornar um sintoma sugestivo para a doença. Por isso, pacientes com sintomas gripais devem ser avaliados em hospitais, unidades básicas de saúde (UBS) ou unidades de pronto atendimento (UPA) localizados em suas cidades de origem. A importância dessa medida está no fato de o paciente eliminar riscos de contaminação, evitar a disseminação do vírus no transporte e evitar complicações em seu quadro clínico.

Sendo assim, pacientes com sintomas respiratórios não devem comparecer ao Hospital de Amor e devem procurar atendimento imediato em seus municípios para avaliação do novo coronavírus.

5

Depende da situação. Na mesma triagem em que serão avaliados os sintomas respiratórios, também será confirmada a necessidade de acompanhante para cada paciente. Os critérios estipulados para os acompanhantes são aqueles garantidos por lei, ou seja, para pacientes crianças, idosos ou portadores de necessidades especiais. Em qualquer um desses casos, é permitida a entrada de um acompanhante para auxiliar e oferecer apoio ao paciente. Em todos os outros, o Hospital de Amor restringiu o acesso para reduzir o fluxo de pessoas dentro da instituição e, consequentemente, reduzir a chance de disseminação do vírus.

É necessário que o paciente esteja ciente de que ele pode vir acompanhado ao hospital, mas ao chegar na instituição, haverá uma avaliação, como medida de proteção aos próprios pacientes, para entender a real necessidade de o acompanhante entrar na entidade.

MAIS PERGUNTAS

Últimas Notícias

Hospital de Amor apresenta seu novo mascote: o simpático elefante Mamu
O Hospital de Amor, que é referência internacional em humanização e alta qualidade no tratamento oncológico gratuito, acaba de lançar seu novo mascote: o Mamu. Criado...
Fique em Casa e Seja Solidário: descubra quais lives de cantores estão acontecendo em prol do Hospital de Amor
Saiba quem são os artistas que estão realizando apresentações ao vivo na internet para ajudar a instituição na pandemia do COVID-19. A pandemia do novo coronavírus tem impactado a vida das pes...
Hospital de Amor oferece diversos tipos de treinamento aos seus colaboradores no combate ao COVID-19
Educação Corporativa da entidade está realizando uma série de capacitações para que colaboradores tenham segurança e alta performance em suas atividades. O surgimento do novo coronavírus...
Hospital de Amor e FACISB criam projeto de telemedicina para ajudar a população na pandemia do COVID-19
As ações de “teletriagem” e “telemonitoramento” visam orientar, direcionar e monitorar, individualmente, cada perfil cadastrado nas UBSs. Foto: Divulgação - FACISB O Hospital de Amor e...

Ações do Hospital de Amor no combate ao COVID-19

O presidente do Hospital de Amor, Henrique Prata, também tem orientações importantes sobre o coronavírus e um apelo pela colaboração da população. Diversas medidas de controle estão sendo tomadas nas unidades do HA, a fim de minimizar o risco de infecção entre pacientes, acompanhantes e profissionais da instituição. Confira no vídeo:

Como você pode ajudar o Hospital de Amor

Doação de Sangue

Com a crise do coronavírus (COVID-19), nossos estoques de sangue estão em um nível alarmante de tão baixo. O uso no HA não diminui e as doações diminuíram muito. Faça sua parte, doe sangue e nos ajude a continuar salvando vidas.

Doação Física

Gostaria de entregar uma doação?

Caso deseje efetuar qualquer tipo de doação de produtos hospitalares que possam nos ajudar no combate de prevenção do Coronavírus, favor entrar em contato pelo e-mail: doar@hospitaldeamor.com.br.

Nosso time retornará seu contato com as diretrizes para entregas das doações de produtos.

QUERO DOAR

Doação Financeira

Imagem icone coração

Faça uma doação e nos ajude a proteger nossos pacientes, principalmente aqueles que estão no grupo de risco.

As doações serão usadas na compra de materiais e equipamentos hospitalares de combate e prevenção contra o Coronavírus (COVID-19).

Veja alguns produtos para doações:

Pacote de luvas cirúrgicas de vinil e látex
- R$ 20,00;
Lote de álcool em gel antisséptico
- R$ 40,00;
Pacote de máscaras respiratórias
- R$ 100,00.
Você também pode doar outros valores se desejar.

DOE AGORA
Imagem icone coração

Fato ou Fake?

Em época de coronavírus, muitas fake news acabam surgindo.

Pensando em combater mais este mal, o Hospital de Amor quer saber se consegue identificar o que é fato e o que é fake.

Nós do Hospital de Amor junto com a Faculdade de Medicina de Barretos estamos preocupados com você e sua família durante a quarentena. Gostariamos de saber como vocês estão e ajudá-los a lidar com a situação no que for necessário. Os seus dados não serão utilizados para fins comerciais somente para nos ajudar a planejar seu cuidado.

Henrique Prata

Previna-se!



Quando tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com um lenço ou com o braço, mas nunca com as mãos.

Quando tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com um lenço ou com o braço, mas nunca com as mãos.

Lave bem as mãos regularmente com água e sabão ou higienize com álcool em gel (70%) sempre que chegar de espaços públicos.

Lave bem as mãos regularmente com água e sabão ou higienize com álcool em gel (70%) sempre que chegar de espaços públicos.

Evite contato físico!

Evite contato físico!

Evite aglomerações, se possível fique em casa.

Evite aglomerações, se possível fique em casa.

Evite lugares públicos, se for inevitável, não faça contato físico.

Evite lugares públicos, se for inevitável, não faça contato físico.

Mantenha os ambientes bem ventilados.

Mantenha os ambientes bem ventilados.

Mais informações

Se você tem dúvidas gerais sobre o Coronavírus, consulte as fontes oficiais.

Informações via WhatsApp podem conter equívocos e mentiras, não se coloque em perigo acreditando em tudo o que vê.

Imagem do logotipo do secretaria da saúde de Barretos
Imagem do disque saúde